Translate

sexta-feira, 11 de dezembro de 2015

O brasileiro e a corrupção


      Um dos assuntos mais comentados no Brasil atualmente são os escândalos de corrupção envolvendo políticos. Para muitos parece que a corrupção é algo que surgiu do nada e que nunca existiu e que agora se disseminou por todo o país como se fosse uma verdadeira praga. Só que, na realidade, a corrupção sempre existiu em nosso país e ela vem  desde o tempo da colonização praticada pelos europeus e até mesmo pelos índios.
      Graças a esses escândalos, uma grande parcela da população começou a refletir sobre o que é a corrupção e como ela está presente em nossa sociedade, se tornando um assunto muito debatido nas universidades, escolas e até mesmo em rodas de bate papo com nossos amigos e familiares.
      A Universidade UNICARIOCA do Rio de Janeiro realizou uma pesquisa com 1.100 alunos do ensinos médio e superior, com idades entre 16 a 30 anos, e teve as seguintes conclusões: 58% já pediram para colocar nome em trabalho de grupo sem ter participado; 68% já copiaram textos da internet para apresentar em trabalhos; 59% assinaram lista de presença em nome do colega; 69% já colaram em provas. Eles foram questionados á respeito do tipo de corrupção que praticavam na escola.
      A pesquisa foi encomendada pelo jornalista Antonio Gois, depois de ler, numa rede social, o desabafo de uma doutoranda da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) que ficou decepcionada com os alunos. A professora começou a dar aulas na graduação e percebeu que os estudantes só se interessavam por livros, exercícios e trabalhos se fossem recompensados com pontos na nota final da disciplina. Ou seja, a simples motivação pelo conhecimento parecia não existir.
      Muitas pessoas, infelizmente, só conseguem enxergar a corrupção no ambiente público e esquecem o privado e acham que é natural dar o "JEITINHO BRASILEIRO". E É nesse jeitinho que realizamos práticas corruptas e nem sequer percebemos ou quando percebemos, ignoramos e nos comparamos, como por exemplo: “O que é roubar o sinal de TV a cabo se os políticos nos roubam milhões”.

Precisamos refletir sobre determinadas práticas se quisermos um país melhor como:

  • Vender voto
  • Não dar nota fiscal
  • Não declarar Imposto de Renda
  • Tentar subornar o guarda para evitar multas
  • Falsificar carteirinha de estudante
  • Dar/aceitar troco errado
  • Furar fila
  • Comprar produtos falsificados
  • No trabalho, bater ponto pelo colega
  • Falsificar assinaturas
  • Fazer ligações de energia clandestina.
      Precisamos nos questionar diariamente sobre o país que queremos, pois, de nada adianta se tornar um revoltado com a corrupção do governo se você a pratica diariamente. Enquanto continuarmos achando que nossas práticas são mínimas se comparadas com os políticos e policiais, nada irá mudar nesse país, pois, os políticos nada mais fazem do que se aproveitar da situação a partir da ignorância de muitos que nunca se questionaram sobre determinadas atitudes que tomamos diariamente. Pode ser que a ausência de leis contribuam para a disseminação da corrupção, mas não vamos esquecer quem as elaboram e por quê as alterá-las se muitos que estão no poder se beneficiam pelo simples fato da sociedade só cobrar e não se impor.

      Infelizmente muitos de nós brasileiros só questionamos os nossos direitos, mas nos esquecemos dos nossos deveres como cidadãos, praticando diariamente o: " faça o que eu digo mais não faça o que eu faço!"

Edgard A. do Brasil

Sites consultados:

http://g1.globo.com/globo-news/noticia/2015/10/pesquisa-com-estudantes-aponta-dados-alarmantes-de-corrupcao.html

http://www.bbc.com/portuguese/noticias/2012/11/121024_corrupcao_lista_mdb.shtml

Comentários com xingamentos, ofensas e qualquer tipo de agressão escrita que afete a integridade física e psicológica dos membros desse Blog, serão denúnciados, bloqueados e removidos!


O MUNDO CONECTADO COM O LIVRE DA CAVERNA